25 de jul de 2011

Love is a losing game


Realmente, se o "Amor é um jogo de azar" como disse Amy Winehouse na sua música mais coração partido, ela não teve sorte no amor e se apaixonou loucamente pelo  cara que ia acabar com a vida dela.
 O usurpador se chama Blake fielder-civil, playboy inglês que a usou para alimentar seu vício e seu ego podre e que só serviu para uma coisa boa, servir de inspiração para todas as músicas do albúm Back to Black, obra prima da música contemporânea.
Amy não morreu porque era viciada em drogas, ela morreu porque era viciada em amar, amar Blake. 
"Amy morreu de amor".
















Nenhum comentário:

Postar um comentário